// Projetos

Voltar

MEMORIAL CHICO XAVIER - 2015

Obra Multi-funcional em memória da personalidade mais ilustre da cidade de Uberaba, mineiro do século, de reconhecimento e fama internacional.
Conhecido pelos seus dons mediúnicos e reconhecido por sua alma caridosa e trabalhadora, Chico Xavier viveu a maior parte de sua vida na terra em Uberaba.
O Memorial Chico Xavier surge da necessidade de uma homenagem eterna da cidade para a cidade da honra em ter Chico cidadão uberabense, para sua história, caminho e despedida.

Memorial Chico Xavier



Implantação:

O projeto foi concebido para implantar-se no interior do Parque Municipal Mata do Carrinho de acordo com a vontade das lideranças espíritas de Uberaba. A proximidade da Casa da Prece e a ligação de Chico Xavier com a mata nativa legitimaram a escolha deste espaço.

A memória de Chico Xavier exposta na arquitetura em harmonia com a mata nativa, com a qual se comunica e preserva, inspiraram toda a concepção do projeto. A edificação foi implantada no terreno adjacente à área de preservação permanente, não invadindo-a, preservando-a e voltando-se para ela, inserindo-a como cenário para uma arquitetura na qual a mata torna-se a grande geratriz das formas, entre vidros, brises, paredes, árvores e coberturas.

A existência de uma grande quantidade de árvores no local a ser implantado o projeto, ainda que fora da área de preservação, induziu a formação de um traçado assimétrico a fim de permitir a preservação de todas as árvores de médio e grande porte. O Memorial permitirá a formação de uma área de transição entre o meio urbano e uma área de preservação ambiental, favorecendo a inserção de conceitos de preservação ambiental e paisagismo urbano na cidade de Uberaba .

A arquitetura ,agregando formas orgânicas e escusas a grandes espaços entre árvores fez surgir um desenho abstrato que se permite referenciar a própria ausência de símbolos, juntamente com conceitos de liberdade e fruição das essências naturais e humanas. O sentimento de paz e tranqüilidade tão florido em nosso amado médium será eternizado mediante à conexão de uma nova modernidade que insere a preservação ambiental como condição necessária ao desenvolvimento urbano e, mais do que isso, leva a população para as margens da Unidade de Conservação criando o sentimento de apego e responsabilidade sobre as áreas verdes de nossa cidade.


Espaços:

O projeto gerou seus espaços buscando abrigar grande parte da história de Chico Xavier juntamente com homenagens e trabalhos que proporcionem a lembrança e difusão dos princípios que fizeram de Chico Xavier o grande líder espírita e a caridosa alma humana, inconfundível em sua expressão e trabalho. Além disso, procurou-se a inserção de espaços que possibilitem a sobrevivência ativa do Memorial, assim como a manutenção da construção e acervo.

Basicamente o projeto consta de totem de entrada, estacionamento mirante, calçadão comercial e cultural, administração, biblioteca e acervo, auditório, galeria de exposição, varanda foyer, café social, sanitários e praças contemplativas.

São permitidos dois acessos para pedestres, um pela rua Antônio Fontes e o acesso principal pela Av. João XXIII, ambos acessos interligados por uma via interna ao parque a qual separa a área de preservação permanente da área do Memorial. Esta via se transformará em um grande calçadão comercial e cultural, onde se permitirá a realização de feiras diversas e atividades culturais. Este calçadão contará com uma estrutura de apoio com sanitários e depósitos, os quais serão executados adentrando-se nos taludes formados pela regularização do terreno em declive. Também serão inseridos equipamentos urbanos, como lixeiras para coleta seletiva e bancos.

O estacionamento foi concebido na parte mais alta do terreno margeando a Av. João XXIII, com entrada lateral pela rua Arcelino Carvalho o que permite uma calçada de maior porte sem conflito entre veículos e pedestres no acesso principal. Esta entrada será marcada por um totem vertical mostrando uma silhueta da face de Chico Xavier em fibra ótica a qual poderá ser visto de longe ao longo da Av. João XXIII.

Descendo o calçadão, permite-se o acesso à esquerda ao edifício. Chega-se numa grande varanda foyer a qual interliga todos os demais espaços. Na parte mais alta temos o Café Social, próximo a entrada da Biblioteca e um acesso à Galeria de Exposição. Na parte mais baixa desta varanda temos o acesso ao Auditório e Sanitários ao fundo.

Junto a Biblioteca foi agregada uma área para Acervo permanente e uma pequena Administração. Ao final da Biblioteca permitiu-se uma conexão com a Galeria de Exposições. A Galeria de Exposições tem seu acesso pelo nível mais alto sobre um patamar de onde saem duas rampas que permitem acesso no nível mais baixo. Esta Galeria é o grande elo de convergência de todo o projeto, onde serão expostas mostras temporárias de trabalhos artísticos, painéis fotográficos, exposição de textos, objetos e projeção de imagens. Abaixo do patamar de acesso existirá um depósito e área técnica de apoio para as exposições. Ao centro da Galeria projetou-se um óculo de iluminação zenital acima de um espelho d´água ao redor de um jardim, permitindo um convívio intimista a seus visitantes.

No nível mais baixo permite-se o acesso para um Auditório, acompanhando-se a declividade do terreno do fundo ao palco. A concepção de um camarim lateral permitiu o fundo do palco em vidro temperado formando um cenário da mata vista de dentro do Auditório. Para apresentações de vídeo teremos um telão móvel de enrolar com cortina blakout, transformando o Auditório em sala de cinema.

Ao redor de toda a edificação foram criadas pequenas praças contemplativas formando espaços de transição e descanso integrando ambientes internos e externos o que possibilita o aproveitamento de todo o espaço adjacente à mata nativa.

A construção do Memorial Chico Xavier será uma obra de referência à paz social e espiritual, uma obra promovedora de cultura e educação ambiental, uma obra que mostrará Uberaba, sua história e sua consciência, para todo o mundo.

Arquiteto – Paulo Trajano



MEMORIAL CHICO XAVIER


- ÁREA P/ MOSTRA DE TRABALHOS E ACERVO PESSOAL - 405 m2
- EPELHO DÁGUA - 48 m2
- AUDITÓRIO / SALA DE VIDEO ( 230 PESSOAS ) - 296 m2
- BIBLIOTECA / ACERVO / ADMINISTRAÇÃO - 192 m2
- VARANDA / FOYER / CAFÉ SOCIAL - 309 m2
- SANITÁRIOS / D.M.L. - 55 m2
- ÁREA PAVIMENTADA ABERTA ( CIRCULAÇÃO / PRAÇA ) - 700 m2
- ÁREA DE ESTACIOANAMENTO - 2000 m2
- CALÇADÃO -



TOTAL ÁREA EDIFICADA - 1305 m2
TOTAL ÁREA PAVIMENTADA DESCOBERTA - 2700 m2



Rua José Gustavo de Carvalho no 143 , Bairro Jardim São Bento , Uberaba-MG - CEP 38066.210


E-mail: paulotm@terra.com.br
Telefone: (34) 99968 0221

Copyright | Todos os direitos reservados.